“Ser um thriller já é meio caminho andado para um livro despertar interesse. Pessoas gostam de ler sobre serial killers, investigações que mechem com sua cabeça, que desafiam seu senso de antecipar movimentos. Particularmente, thrillers são os primeiros livros que chamam a atenção na prateleira, por presumirem histórias impossíveis de largar e fáceis de terminar. Assim parecia ser Desaparecidas, de Chris Mooney, mas não foi esse o seu efeito.”


Continue a ler a resenha no site Amálgama

Então, gente! Finalmente saiu a resenha de Desaparecidas, da Suma de Letras, lá no Amálgama. Como deu para ver nesse parágrafo inicial (não posso colocar o texto na íntegra aqui, vocês sabem), o thriller não me encantou. Então entrem no site, muy bacanudo, por sinal, e vejam porque não gostei – se vocês levam minha opinião a sério, claro. Logo deve sair a resenha de Na África Selvagem por lá, e eu aviso aqui. Espero que gostem.