a-descoberta-da-escritaDepois de quatro volumes da série Minha Luta, já era hora de Karl Ove Knausgård falar sobre o principal tema de seus livros: a própria escrita. É claro que ele passou por esse tema nos volumes anteriores, principalmente em Um outro amor e Uma temporada no escuro, segundo e quarto volumes da série. Mas A descoberta da escrita era de certa forma aguardado por compreender os anos de formação do norueguês como escritor.

O livro (tradução de Guilherme da Silva Braga, Companhia das Letras) começa a partir do ponto em que o volume anterior acabou, impondo uma ordem cronológica que antes não existia nos livros. Ao terminar seu ano como professor no norte da Noruega, Knausgård se prepara para se mudar para Bergen, cidade universitária onde seu irmão, Ingve, já está na faculdade e onde começará um curso de escrita criativa na Skrivekansduniet. Entrando nos 20 e poucos anos, Knausgård tem plena certeza de que será escritor e de que tem talento para isso, e o curso, acredita, será importante para desenvolver suas habilidades narrativas.

Read more