Leitura da Semana: O Livro Negro dos Vampiros

Uma das coisas boas de começar a resenhar e receber alguns livros para isso, é que ando lendo bastante coisa que antes simplesmente virava a cara. Contos é um desses estilos que eu não gostava muito e que agora leio sempre. O livro da semana passada era uma antologia de contos sobre fantasmas, escrito apenas por mulheres. O dessa semana é sobre vampiros, somente de autores nacionais.

O Livro Negro dos Vampiros, publicado pela editora Andross, foi organizado por Claudio Brites, que escolheu textos de conhecidos autores de histórias de vampiros e de gente nova, começando nessa área. São mais de 50 contos retratando vampiros em diversas épocas e lugares. E diversos tipos de vampiros também.

Entre os autores estão Liz Marins, com sua conhecida Liz Vamp, Octavio Cariello, Helena Gomes e Kizzy Ysatis, que assina o prefácio do livro e foi um dos que, junto com Claudio Brites, sugeriou à Andross fazer uma reunião de contos vampirescos. E claro, o Brontops, que apareceu lá pelo Meia Palavra divulgando seu trabalho, e quem me (mandou) apresentou o livro.

Li uma boa parte já, e posso dizer que é um livro bem diversificado. A cada novo texto, um novo tipo de vampiro é apresentado, e cada autor parece ser mais criativo que o outro. É legal ver toda essa diversificação de personages, principalmente para entender que não existe apenas uma forma de se retratar ser tão utilizado na literatura.

Vou me dedicar a esse livro durante essa semana. Logo logo a resenha estará aqui no r.izze.nhas, e também lá no Ambrosia.