Editoras e seus blogs

Depois que a internet invadiu o cotidiano brasileiro, principalmente através das mídias sociais, as empresas não puderam ignorar esse fenômeno. Toda organização já tem o seu blog, ou pelo menos a maioria tem, pois essa é a forma mais “primitiva” de propagar conteúdo gratuíto sem muitas formalidades, e é tão eficaz quanto os mais recentes Twitter e Facebook. Mas nesse momento tão “virtual”, são poucas as editoras que fazem uso dos blogs para proporcionar aos seus leitores ainda mais informações sobre livros e autores que publica. Felizmente, isso está mudando.

Não quero dizer que as editoras não dão bola para os blogs. Não mesmo! A maioria das que conheço fazem parceria com blogs que tratam de livros e literatura, mas algumas ainda não tem um canal próprio de comunicação com o leitor e divulgação de conteúdo extra. Mas muitas já utilizam outras plataformas. Dentre essas, destaco a Intrínseca, não só por ser parceira do r.izze.nhas, mas porque faz um uso realmente massivo do Twitter. Além de divulgar eventos da editora, recruta blogs interessados em divulgar seus lançamentos, promove sorteio de livros e responde a maioria das perguntas de seus leitores e seguidores. É uma preocupação elogiável com quem adquire seus livros, e dentre todas as editoras que fazem parte do microblog, a Intrínseca é a que pegou o espírito do negócio. A Objetiva é outra editora que usa bem o Twitter, mas não vejo ela tendo uma relação tão próxima com os leitores. Só que essas editoras ainda não tem um blog propriamente dito, um lugar onde não se limite aos meros 140 caracteres.

Nos últimos meses, dois grandes nomes do mercado literário estreiaram suas páginas “informais”: a editora gaúcha L&PM e a Companhia das Letras. A primeira aproveitou a reformulação total do seu site para lançar o blog, que não deixa a desejar quanto ao conteúdo. O Blog da L&PM apresenta artigos, resenhas, notícias e entrevistas (incluindo um canal de vídeos) que acrescentam muito à experiência literária. Além disso, divulga resenhas de seus livros que saem em sites, jornais, revistas e (às vezes) blogs. Já vi vários textos interessantes lá que podem servir até para incentivar a leitura.

O Blog da Companhia é mais novinho, foi lançado na segunda-feira. Também promete preencher o espaço com artigos e entrevistas com seus autores, mas veio com uma novidade em relação à abordagem do trabalho, com colunas que falam da rotina  da editora. O primeiro post exemplifica isso, mostrando o ambiente de trabalho de um dos quadrinistas da Companhia . Aí ela sana um pouco da curiosidade que nós leitores temos quanto às atividades realizadas dentro desse nicho. Achei realmente muito bacana essa iniciativa.

Espero que o número de editoras que forneçam mais material aos seus leitores por meio de blogs aumente. Eu não acho que isso venha prejudicar quem mantem blogs sobre literatura, talvez até aconteça o contrário. Nós podemos ganhar ainda mais visibilidade, pois as editoras veem o quanto nos empenhamos para trazer a cada semana algo interessante sobre literatura.

Recomendo a quem ama ler e gosta de ficar informado sobre as novidades do mercado que acompanhem esses blogs. Ler uma entrevista com um autor, entender sua forma de trabalho, pode atrair tanto para a leitura de um livro quanto uma resenha. Mas também não deixem de acessar os “independentes” da literatura!