O cotidiano é o aspecto abordado pela maioria dos contistas. O dia a dia do cidadão normal, pacato, é material para muitas histórias. Um bom escritor consegue transformar a vida de qualquer um em algo interessante para ser lido. Alessandro Garcia é um desses novos nomes da literatura que pega da vida simples temas para centrar os seus textos, e em A Sordidez das Pequenas Coisas, lançado pela Não Editora, são coisas assim que ele dá ao leitor: o cotidiano puro, pensamentos de pessoas simples e suas histórias que rendem assunto para muitos outros contos.