O crime pode ser opção ou, mais do que pensamos ser verdade, imposição. Viver em um ambiente violento onde a bandidagem impera é o passaporte para uma vida de delitos e prisões. Não importa o quanto essa pessoa sonhe em mudar de vida e trabalhe para isso, o crime não perdoa. Burdão, personagem de Sacolinha, é uma dessas pessoas que sempre agiu da forma mais correta possível, mas andar na linha não impediu que sua família fosse vitimada pela maldade. E a amargura causada por essas perdas não o deixou longe das armas.