Não tem como escapar das retrospectivas quando o fim do ano se aproxima. Reavaliamos tudo o que fizemos durante o ano, lembramos das conquistas e eventuais derrotas, atribuímos notas e qualidades pelos 12 últimos meses que vivemos. Como leitora, não poderia deixar de rever tudo o que li em 2010 e fazer aquela listinha dos melhores. Foram muitos livros lidos (mais de 80), um recorde não planejado, e muitas coisas novas entraram para a lista.  Por isso, resolvi colocar aqui os cinco livros que li e mais gostei esse ano.

Estava pesquisando coisas interessantes aqui para o r.izze.nhas e me deparei com um texto muito bom sobre livros ironicamente proibidos de serem vendidos, a maioria nos EUA. O artigo é do site 11 Points, de Sam Greenspan, que se destina a fazer listas, tipo um Top 10, só que com 11 itens, óbvio. Não vou fazer uma tradução do texto, até porque meu inglês é bem ruinzinho, mas dar uma geral do  sobre os livros censurados da forma mais… irônica.